Conecte conosco

ELEIÇÕES

Vídeo: No leito de hospital, Herzem Gusmão é empossado virtualmente como prefeito de Vitória da Conquista

Publicado

em

Herzem Gusmão é empossado virtualmente como prefeito de Vitória da Conquista

ARATÚ ON -O prefeito de Vitória da Conquista, Herzem Gusmão (MDB), foi empossado de forma virtual no cargo, após ser reeleito para comandar a cidade nas eleições 2020. A sessão, realizada nesta sexta-feira (8/1), ocorreu diretamente da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, onde está internado com complicações causadas pela Covid-19. 

A posse virtual precisou ser deliberada pela Câmara, que aprovou a realização por 18 votos favoráveis e um contrário. Com voz cansada e debilitado, Herzem repetiu o juramento deitado na cama e utilizando um suporte de oxigênio.

No último domingo (3/1), o filho do prefeito gravou um vídeo falando sobre o estado de saúde do pai. “Acabo de sair de lá e meu pai está bastante animado, lúcido, perguntando sobre todas as situações que acontecem em Conquista”. Danilo Gusmão, que também é médico, afirmou que o quadro do pai está em “evolução” e que Herzem está confiante no total restabelecimento. 

P U B L I C I D A D E

ELEIÇÕES

ACM NETO SE EMPOLGOU: “GOVERNO DO ESTADO SERIA NATURAL”

Publicado

em

ACM NETO SE EMPOLGOU

Empolgado com o resultado segundo turno das eleições 2020 na Bahia, ACM Neto já mandou recado ao ocupante do Palácio do Planalto: “não terá apoio do DEM.”

O Neto do velho Antônio Carlos também se empolgou para a disputa estadual. “Seria natural” Disse Netinho

Ele nega que já tenha conversado sobre a eleição presidencial com Luciano Huck e que “o Democratas não tem compromisso firmado com ninguém”. Frizou

Continuar Lendo

ELEIÇÕES

Herzen Gusmão vence no 2º turdo e é reeleito prefeito em Vitória da Conquista

Publicado

em

Herzen Gusmão

ºA vitória de Herzem ocorre após uma eleição marcada pelo confronto acirrado, nos dois turnos, entre petismo e antipetismo. A polarização será um dos obstáculos do segundo mandato emedebista, que terá, entre outras responsabilidades, a missão de pacificar a cidade.

Durante a campanha, o ex-radialista Herzem Gusmão criticou o legado deixado pelas gestões petistas, que governaram o município por cinco mandatos entre 1997 e 2016. O emedebista utilizou como trunfo a recuperação da Empresa Municipal de Urbanização de Vitória da Conquista (Emurc) e o fato de Conquista ter batido a meta do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) em 69 escolas durante sua administração.

A coligação vencedora reuniu, além de MDB e DEM, o Republicanos, o PTB, o Podemos, o PMB e o PSDB. Juntos, tais partidos elegeram nove dos 21 vereadores da Câmara, indicando uma possível minoria do governo nos próximos quatro anos. Para conquistar a maioria, Herzem teria que negociar com partidos que não estão apoiando nenhuma das duas candidaturas: PSC e PRTB.

A vitória de Herzem Gusmão é um triunfo importante para a oposição ao governo estadual. Conquista é o terceiro maior município do estado e será um ponto fundamental da campanha pelo governo da Bahia em 2022. Pensando nisso, o governador Rui Costa (PT) e o senador Jaques Wagner (PT) participaram ativamente de carreatas de Zé Raimundo, assim como o prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), também esteve em atos eleitorais do prefeito reeleito.

A vitória de Herzem ocorre após uma eleição marcada pelo confronto acirrado, nos dois turnos, entre petismo e antipetismo. A polarização será um dos obstáculos do segundo mandato emedebista, que terá, entre outras responsabilidades, a missão de pacificar a cidade.

Durante a campanha, o ex-radialista Herzem Gusmão criticou o legado deixado pelas gestões petistas, que governaram o município por cinco mandatos entre 1997 e 2016. O emedebista utilizou como trunfo a recuperação da Empresa Municipal de Urbanização de Vitória da Conquista (Emurc) e o fato de Conquista ter batido a meta do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) em 69 escolas durante sua administração.

A coligação vencedora reuniu, além de MDB e DEM, o Republicanos, o PTB, o Podemos, o PMB e o PSDB. Juntos, tais partidos elegeram nove dos 21 vereadores da Câmara, indicando uma possível minoria do governo nos próximos quatro anos. Para conquistar a maioria, Herzem teria que negociar com partidos que não estão apoiando nenhuma das duas candidaturas: PSC e PRTB.

A vitória de Herzem Gusmão é um triunfo importante para a oposição ao governo estadual. Conquista é o terceiro maior município do estado e será um ponto fundamental da campanha pelo governo da Bahia em 2022. Pensando nisso, o governador Rui Costa (PT) e o senador Jaques Wagner (PT) participaram ativamente de carreatas de Zé Raimundo, assim como o prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), também esteve em atos eleitorais do prefeito reeleito.

Durante a campanha, o ex-radialista Herzem Gusmão criticou o legado deixado pelas gestões petistas, que governaram o município por cinco mandatos entre 1997 e 2016. O emedebista utilizou como trunfo a recuperação da Empresa Municipal de Urbanização de Vitória da Conquista (Emurc) e o fato de Conquista ter batido a meta do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) em 69 escolas durante sua administração.

A coligação vencedora reuniu, além de MDB e DEM, o Republicanos, o PTB, o Podemos, o PMB e o PSDB. Juntos, tais partidos elegeram nove dos 21 vereadores da Câmara, indicando uma possível minoria do governo nos próximos quatro anos. Para conquistar a maioria, Herzem teria que negociar com partidos que não estão apoiando nenhuma das duas candidaturas: PSC e PRTB.

A vitória de Herzem Gusmão é um triunfo importante para a oposição ao governo estadual. Conquista é o terceiro maior município do estado e será um ponto fundamental da campanha pelo governo da Bahia em 2022. Pensando nisso, o governador Rui Costa (PT) e o senador Jaques Wagner (PT) participaram ativamente de carreatas de Zé Raimundo, assim como o prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), também esteve em atos eleitorais do prefeito reeleito.

O atual prefeito de Vitória da Conquista, Herzem Gusmão (MDB), foi reeleito neste domingo (29), após apuração de 92,67% das urnas no segundo turno do terceiro maior município do estado. Com 54,71% dos votos válidos, o gestor emedebista superou seu adversário, o ex-prefeito Zé Raimundo (PT), por uma margem de aproximadamente 16 mil votos. A empresária Sheila Lemos (DEM) será a vice-prefeita.

Bahia Notícias

Continuar Lendo

ELEIÇÕES

TSE afirma que são falsas as acusações de votos duplicados para candidatos

Segundo órgão, o que houve foi sobreposição de votos durante uma atualização dos dados em algumas cidades

Publicado

em

Segundo órgão, o que houve foi sobreposição de votos durante uma atualização dos dados em algumas cidades

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) rebateu nesta quarta-feira (26) postagens nas redes sociais que afirmam que candidatos pelo país tiveram votos duplicados ou alterados pela Justiça Eleitoral. De acordo com a Corte, na última segunda-feira (23), ocorreu em algumas cidades a visualização de dados sobrepostos a votos de postulantes a prefeito e vereador. 

Curitiba (PR), Ilhéus (BA) e Garanhuns (PE) constataram a situação. O TSE afirma que informou os Tribunais Regionais Eleitorais (TRE) a respeito do caso e fez as atualizações necessárias. Segundo o Tribunal, houve sobreposição de dados, não uma duplicação de votos. 

Em nota, o órgão também afirmou que a “apuração dos votos é conferível e auditável”, que após a votação a urna emite um comprovante impresso chamado “Boletim de Urna”, o qual mostra a quantidade de votos de cada candidato. O TSE também argumentou que os boletins são impressos e entregues aos partidos políticos envolvidos no pleito e que é possível pedir acesso ao juiz da respectiva zona eleitoral. 

Fonte: Brasil 61

Continuar Lendo

AS MAIS LIDAS DA SEMANA