Conecte conosco

Saúde

Suicídio é a segunda causa de morte entre jovens de 15 a 29 anos, diz OMS

Segundo o relatório, no Brasil foram registrados 13.467 casos, sendo a grande maioria entre homens

Publicado

em

Metro1 – Um levantamento da Organização Mundial da Saúde (OMS) aponta que o suicídio é a segunda causa de morte entre jovens de 15 a 29 anos no mundo, atrás apenas de acidentes de trânsito. O relatório também aponta que a cada 40 segundos uma pessoa se suicida, sendo que 79% dos casos se concentram em países de baixa e média renda. O documento foi divulgado hoje (9), véspera do Dia Mundial de Prevenção ao Suicídio (10 de setembro).

Quando se considera a faixa etária de 15 a 19 anos, o suicídio aparece como segunda causa de mortes entre as meninas, atrás apenas das complicações na gravidez, e a terceira entre meninos, depois de acidentes de trânsito e violência.

A estimativa da OMS é que cerca de 800 mil pessoas morrem por suicídio a cada ano – os números do relatório são referentes a 2016. No Brasil, foram registrados 13.467 casos, sendo a grande maioria – 10.203 – entre homens.

No período de 2010 a 2016, a região das Américas foi a única a apresentar crescimento da taxa global de suicídios. A alta foi de 6%, enquanto a taxa global caiu 9,8%.

Saúde

Coronavírus: 80% dos casos são leves e não-letais, mostra análise

Segundo dados divulgados pela OMS, taxa geral de mortalidade se firmou como 2,3%

Publicado

em

Metro1 – Uma análise dos dados oficiais da China divulgada pela Organização Mundial da Saúde (OMS) na segunda (17) mostra que a maioria (80,9%) dos casos confirmados de coronavírus é leve, sem pneumonia ou com pneumonia branda. Todos os pacientes que morreram desenvolveram a versão mais grave da Covid-19, doença causada pelo vírus, que atingiu menos de 5% dos infectados.

O estudo ainda confirma que a maior taxa de mortalidade (14,8%) está entre as pessoas com mais de 80 anos. Pacientes com outras doenças, principalmente as cardiovasculares, também têm maior chance de ter a versão crítica da Covid-19.
As informações da epidemia na China foram coletadas até 11 de fevereiro, incluindo os casos confirmados naquele dia. A taxa geral de mortalidade se firmou como 2,3%.

Classificação

  • Casos leves: sem pneumonia ou pneumonia branda – sem mortes e 80,9% dos registros
  • Casos severos: falta de ar, mudança na frequência respiratória, saturação de oxigênio no sangue, infiltração pulmonar, síndrome respiratória aguda – sem mortes e 13,8% dos registros
  • Casos críticos: insuficiência respiratória, choque séptico, falência múltipla dos órgãos – 1.023 mortes (100%) e 4,7% das infecções

Continuar Lendo

Saúde

Ministério da Saúde quer eliminar sarampo do país até julho

Ministério lançou neste sábado (15) o Dia D de vacinação contra o sarampo

Publicado

em

Metro1 – O secretário de Vigilância em Saúde (SVS), Wanderson de Oliveira, declarou nesta sexta-feira (14), a meta do Ministério da Saúde de erradicar o sarampo até julho deste ano. A declaração foi feita após a morte de uma criança por sarampo, no Rio de Janeiro, a primeira em 20 anos. O ministério lança hoje (15) o Dia D de vacinação contra o sarampo.

“Nossa meta é eliminar com o sarampo até 1º de julho de 2020. Para isso temos que ter adesão da população e dos gestores estaduais e municipais”, disse Wanderson. De acordo com dados do ministério, o Brasil tem, atualmente, 337 casos de sarampo confirmados. Foi feita uma campanha de mobilização contra o sarampo no ano passado, mas o secretário declarou baixa adesão entre os adultos.  “O movimento foi preparado para eliminarmos o sarampo do território nacional. Então, começamos numa primeira fase com crianças menores de 5 anos. Depois, numa segunda fase, de 20 a 29 anos. Nessa fase, a vacinação foi muito baixa. Distribuímos 9 milhões de doses de vacina e fizemos pouco mais de 1,8 milhão”.

A campanha do Dia D será hoje e tem como público-alvo pessoas de 5 a 19 anos, mas, após a morte no Rio de Janeiro, o chefe da SVS incentivou a vacinação de crianças a partir de seis meses. 

Continuar Lendo

Saúde

Ministério da Saúde lança campanha contra sarampo

O período de vacinação começa nesta segunda a vai até 13 março

Publicado

em

Metro1 – O Ministério da Saúde lançou hoje (10) a Campanha Nacional de Vacinação contra o Sarampo, que tem como meta vacinar 3 milhões de crianças e jovens de 5 a 19 anos. O período de vacinação começa nesta segunda a vai até 13 março. 

Segundo o ministério, foram encaminhadas neste ano 3,9 milhões de doses da vacina tríplice viral aos estados. O número corresponde a um aumento de 9% no volume de doses que foram solicitadas. 

A campanha de vacinação faz parte de uma estratégia nacional para interromper a transmissão do sarampo e eliminar a circulação do vírus. As duas primeiras etapas ocorreram no ano passado. Em 2020, estão previstas mais duas. A primeira, entre junho e agosto para o publico de 20 a 29 anos de idade, e outra, também em agosto, para a população de 30 a 59 anos de idade.

Continuar Lendo

AS MAIS LIDAS DA SEMANA