Conecte conosco

Educação

Pedidos de recorreção de nota do Enem chegam a 60 mil

Mesmo com a inconsistência, o MEC anunciou que irá manter a data de abertura das inscrições para o Sisu para esta terça-feira (21)

Publicado

em

Bahia.ba – As solicitações para a recorreção da nota do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) chegou a 60 mil na manhã desta segunda-feria (20). De acordo com comunicado com o Ministério da Educação (MEC), houve falha em parte das provas corrigidas. As autoridades informaram que menos de 9 mil candidatos foram prejudicados.

De acordo com o  Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep), órgão responsável pela prova, o problema na correção teria foi por erro na identificação dos cartões de resposta dos candidatos e da respectiva cor das provas que fizeram. A falha teria ocorrido na gráfica, a empresa Valid: os arquivos com essas informações foram repassadas ao Inep com divergências. Ou seja, o aluno fez a prova de uma cor, mas a nota foi corrigida como se fosse de outra.

O instituto havia comunicado da primeira vez que o problema teria ocorrido apenas na correção das provas do segundo dia, quando são feitas as avaliações de Ciências da Natureza e Matemática. Mas, segundo o governo, também poderão haver falhas nas provas do primeiro dia, quando os candidatos respondem as questões de Ciências Humanas e Linguagens, além da redação.

Mesmo com a inconsistência, o MEC anunciou que irá manter a data de abertura das inscrições para o Sistema de Seleção Unificada (Sisu) para esta terça-feira (21).

Educação

MP da carteirinha estudantil do governo perde a validade; documento pode ser usado até dezembro

A medida caducou antes de ser votada pelo Congresso; mais de 300 mil estudantes serão afetados

Publicado

em

Metro1 – Perdeu a validade ontem (16) a medida provisória que criou a carteirinha estudantil online do Ministério da Educação (MEC). Como não entrou em votação no Congresso antes do prazo, a chamada ID Estudantil deixará de vigorar.

Quem chegou a tirar o documento ainda pode fazer uso dele até dezembro, uma vez que a MP era de efeito imediato e quem fez a carteirinha tem respaldo de que ela era válida no momento que foi emitida.

A carteirinha é utilizada por estudante como forma de identificação, mas, principalmente, para ter direito à meia-entrada em eventos pagos. Mais de 300 mil pessoas possuem atualmente o documento.

Continuar Lendo

Educação

Mais de 258 mil carteirinhas estudantis digitais do governo devem ser invalidadas

MP que trata do documento caduca em breve e Congresso tem dois dias para aprovar projeto

Publicado

em

Metro1 – Uma das apostas do Ministério da Educação no ano passado, a proposta da carteira de estudante digital dá sinais de que não será aprovada pelo Congresso. A medida provisória 895 caduca no dia 16 deste mês, já na próxima semana.

Como os parlamentares só realizam votações importantes às terças e quartas, MP precisaria de total atenção durante esses dois dias para ser salva. O projeto é visto como uma retaliação a movimentos estudantis, que criticam o governo e têm a confecção de carteirinhas como uma das principais fontes de renda.  

Agora, o titular do MEC, Abraham Weintraub, vai testar sua força entre os deputados e senadores. Na última semana e nesta, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), teceu duras críticas ao ministro, ao chamá-lo de ‘desastre’, afirmar que ele ‘atrapalha o Brasil’ e, dias após, acusá-lo de ‘representar a bandeira do ódio’. 

Caso a MP passe da validade sem ser aprovada, os mais de 258 mil documentos digitais emitidos até o momento, de acordo com site do governo, passam a não ter amparo legal. 

Continuar Lendo

Educação

Aulas na rede estadual de ensino começam na segunda-feira (10)

A aula inaugural terá como tema “Os estudantes e o projeto de vida”, e será proferida pelo professor Adriano Kibe

Publicado

em

Bahia.ba – Começam na segunda-feira (10) as aulas na rede estadual de ensino. Para marcar a data, a Secretaria da Educação do Estado (SEC) realizará a aula inaugural, às 8h30, no Instituto Anísio Teixeira (IAT), na Avenida Paralela, em Salvador.

A atividade será marcada pelo protagonismo dos estudantes, que irão realizar apresentações artísticas e culturais e contará com relatos de experiências de monitores do programa Mais Estudo; de estudantes aprovados em universidades públicas; e de beneficiários de outras políticas para a juventude desenvolvidas pelo Governo do Estado.

A aula inaugural terá como tema “Os estudantes e o projeto de vida”, e será proferida pelo professor Adriano Kibe, do Colégio Estadual David Mendes. A aula será transmitida pela TVE Bahia (Canal 10.1) e pelo portal da Portal da Educação.

Continuar Lendo

AS MAIS LIDAS DA SEMANA