PENSE!

Sol de Luxo: a praia não é mais sua

A Privatização das Praias: A proposta “escrota” de Flávio Bolsonaro

02/06/2024 10h58Atualizado há 1 mês
Por: Redação
Fonte: Mário Luiz Nobre
Foto: Shutterstock
Foto: Shutterstock

Olá, amigo navegante! Viu a ideia do Senador Flávio Bolsonaro? Privatizar praias para beneficiar bilionários. Um dos principais beneficiados dessa absurda proposta é o Neymar. Isso mesmo, o Neymar.

Se você acha que já viu de tudo na política brasileira, prepare-se. O senador Flávio Bolsonaro acaba de propor algo que vai além da nossa imaginação: a privatização das praias. Isso mesmo, aquelas faixas de areia onde qualquer pessoa pode a estender uma canga e aproveitar o sol agora podem ser exclusivas para bilionários.

Imagine um futuro próximo: uma viagem no tempo

Convido você a viajar no tempo comigo e visualizar um cenário no qual as praias do Nordeste foram privatizadas. Os portões de acesso são trancados com cadeados dourados, e os pobres, que antes podiam caminhar livremente na areia, agora são barrados como se fossem intrusos em uma festa de gala.

Antes da privatização, qualquer um podia estender sua canga na praia, sentir o sol na pele e mergulhar no mar. Agora, só os ricos podem se dar ao luxo de desfrutar disso sem preocupação.

Nas praias privatizadas, os ricos terão áreas amplas e limpas, enquanto os pobres precisarão se espremer em faixas estreitas de areia. "É quase uma corrida de obstáculos: desviar dos vendedores ambulantes, pagar por cadeiras de praia e, claro, não invadir o espaço VIP."

Os “Beach VIPs”

Os mais ricos agora têm um “Beach VIP Pass”. Espreguiçadeiras de veludo, massagens à beira-mar e até mordomos para aplicar protetor solar. E os pobres? Ficam olhando, lembrando dos tempos em que a praia era de todos.

À noite, os ricos organizam festas exclusivas nas praias privatizadas. DJs famosos, champanhe e muito luxo. Do lado de fora, os pobres ouvem a música e sonham com o dia em que poderão dançar na praia sem pagar ingresso.

Lembram da frase de Bolsonaro?

É claro que não podemos esquecer da famosa frase de Bolsonaro: “Pobre só tem uma utilidade no Brasil, votar.” Com a privatização das praias, essa frase ganhou uma nova versão: “Pobre só tem uma utilidade na praia privatizada, pagar.”

É melhor parar por aqui e voltar à realidade:

É revoltante imaginar que políticos que dizem lutar pelo povo apoiem Bolsonaro e seus filhos por puro desejo de poder. Mal sabem eles que são 'idiotas úteis', massacrando os eleitores pobres na ilusão de que farão parte da classe dominante. A conta chega, e ela é salgada.

Devo lembrar que tudo isso é pura sátira diante da proposta de PL do senador Flávio Bolsonaro, mas espero que tenha causado um sorriso (ou indignação) em você!

A privatização das praias transformará o litoral em um clube exclusivo para os privilegiados, e deixará os pobres com saudades da época em que podiam sentir a brisa do mar sem ter abrir a carteira.

É isso, gente! Fico por aqui.

Mas, antes de me despedir, deixo ao eleitor mais desatento uma pergunta final: qual político da nossa cidade teria condições de frequentar essas praias VIPs enquanto você, puxa-saco de primeira fila, se espremeria nas grades dos portões pedindo um vale para entrar por duas horas, mesmo sabendo que seria acompanhado de um segurança, também pobre, mas com uma vontade enorme de descer o cacete e te colocar para fora da areia a chutes e empurrões, só para agradar Bolsonaro, Neymar e os bolsonaristas que gritam e gritaram: "mito, mito, mito..."?

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Simões FilhoSimões Filho - BA Notícias de Simões Filho - BA Simões Filho é uma cidade de Estado do Bahia. Os habitantes se chamam simões-filhenses. O município se estende por 201,2 km² e contava com 134 377 habitantes no último censo. Vizinho dos municípios de Camaçari, Candeias e Lauro de Freitas.
Simões Filho, BA
Atualizado às 15h05
27°
Parcialmente nublado Máxima: 26° - Mínima: 21°
28°

Sensação

6.17 km/h

Vento

61%

Umidade

Municípios
Últimas notícias
Mais lidas